CRO – Otimização da Conversão

CRO – Otimização da Conversão ou (Conversion Rate Optimization), são técnicas utilizadas para se aprimorar a taxa de conversão de um determinado site, produto, negócio, regra de negócio, etc. Os processos para se fazer CRO são: Testes > Análise > Mensuração > Otimização > Repetição de novos testes.

Quando citamos conversão, eu penso em um negócio muito mais abrangente. Vou dar um exemplo citando vários cenários:

  • Site: Se eu acrescentar mais imagens e um vídeo explicativo na página de produtos, irei aumentar minhas vendas?
  • Produto: Se eu colocar uma cor mais viva na embalagem ou der um brinde junto, irei aumentar as vendas do produto?
  • Negócio: Se eu colocar as roupas que mais venderam na última semana na vitrine de minha loja, irei aumentar as vendas?
  • Regra de negócio: Se eu mudar os turnos dos funcionários ou terceirizar uma etapa industrial da empresa, irei conseguir produzir mais, gastando menos e logo obtendo maior ROI?

E sempre quando falamos de conversão, consequentemente estamos falando de exaustivos testes (A/B e multivariáveis) e de muita análise de métricas disponíveis. Um dos pontos que sempre devemos ficar de olho, é se estamos olhando a métrica certa, em grande parte dos cenários sempre devemos focar no ROI (return of investment), vou citar alguns exemplos:

  • Aumentei minha verba de anúncio em facebook ads, pois consigo um tráfego mais barato.
  • Diminui minha verba em links patrocinados, porque o tráfego é caro.

Neste caso que citei, foi somente analisada uma métrica, custo por visita, mas e quantas conversões por visita essas fontes de tráfego trazem?

Vou elucidar outro cenário, estou fazendo um teste A/B de banners na rede de display do Google:

Banner A : 150 cliques
Banner B: 500 cliques

Olhando primeiramente, uma pessoa de imediameto diria que o Banner B foi o banner vencedor do teste, mas a pessoa somente se atentou a métrica de cliques. Se eu disser que o Banner A trouxe 10 conversões e o Banner B trouxe somente 3 conversões, você ainda optaria por usar o banner B?

Fazendo uma análise bem superficial, podemos dizer que o Banner A deve trazer muitas informações detalhadas sobre o produto em questão, logo trazendo cliques qualificados, enquanto o Banner B deve falar bem menos do produto/serviço e talvez foque em um assunto diferente.

Sites de Otimização da Conversão

Lembrando que grande parte dos blogs são de ferramentas ou de empresas de consultoria da área.

Conversion XL
Kissmetrics Blog
Crazy Egg Blog
Clicktale Blogzl
Optimizely Blog

Livros de Otiimização da Conversão

Otimização de Conversão (Khalid Saleh, Ayat Shukairy)
Otimização da Página de Entrada: Guia Para Testar e Sincronizar | LANDING PAGE OPTIMIZATION (Tim Ash)

Vinicius Viana

Sobre o Autor

Analista Front-end / Web Analytics na Wunderman. Já atuei no desenvolvimento de vários sites e e-commerces, atuando sempre na área de marketing digital (SEO, Web Analytics e Links Patrocinados). Certificado em Google Analytics - GAIQ

Deixe um Comentário